Cíntia Chagas sobre críticas ao uso da palavra ‘criado-mudo’: “É um delírio progressista”

Cíntia Chagas sobre críticas ao uso da palavra ‘criado-mudo’: “É um delírio progressista”

Durante o bate-papo, a professora Cíntia Chagas comentou sobre as críticas ao uso de certas palavras que seriam politicamente incorretos como: “a coisa ficou preta e criado-mudo”. Sobre o assunto, a professora reagiu: “É um delírio progressista. Os facistas são eles”.

Entretenimento Vídeos