Ilustração do primeiro volume de ‘Harry Potter’ será leiloada em Nova York

Ilustração do primeiro volume de ‘Harry Potter’ será leiloada em Nova York


Preço estimado da peça, que será vendida no próximo dia 26, é de US$ 400 mil (R$ 2,1 milhões) a US$ 600 mil (R$ 3,3 milhões)

Divulgação/Sotheby’sHarry Potter
A casa de leilões também oferece um conto de fadas de 2007 de Rowling, que inclui uma dedicatória a Barry Cunningham

A ilustração que definiu a imagem de “Harry Potter” no primeiro volume da saga escrita pela então desconhecida J.K. Rowling, uma aquarela, será leiloada na próxima quarta-feira (26) na casa Sotheby’s, que espera estabelecer um novo recorde ligado a esse sucesso mundial. Em 1997, aos 23 anos, o jovem ilustrador Thomas Taylor, que trabalhava em uma loja de livros infantis em Cambridge (Reino Unido), foi contratado para fazer as ilustrações de “Harry Potter e a Pedra Filosofal”, primeiro dos sete volumes da saga traduzida para 80 idiomas, da qual foram vendidas 500 milhões de cópias. Taylor foi uma das primeiras pessoas a ler o manuscrito da obra de Rowling, a pedido de Barry Cunningham, da pequena editora Bloomsbury, lembra Kalika Sands, especialista em livros antigos da Sotheby’s, que trabalha no departamento de manuscritos. “É a primeira visualização ou representação visual de Harry Potter”. Naquela época, tanto a autora quanto o ilustrador eram desconhecidos e ninguém imaginaria o sucesso da obra, da qual foram impressos inicialmente apenas 500 exemplares, a maioria distribuída em bibliotecas. O boca a boca levou ao sucesso.

cta_logo_jp

Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

Um desses primeiros exemplares tem a ilustração de Taylor na capa. “É emocionante ver a pintura que marcou o começo da minha carreira décadas depois, e mais brilhante do que nunca! Isso me transporta para a experiência de ler Harry Potter pela primeira vez e ao processo de criação da que é, agora, uma imagem icônica”, disse Taylor, citado em comunicado da Sotheby’s. O preço estimado da ilustração, que será vendida no próximo dia 26, juntamente com obras de Arthur Conan Doyle, Charles Dickens, F. Scott Fitzgerald e Edgard Allan Poe, é de US$ 400 mil (R$ 2,1 milhões) a US$ 600 mil (R$ 3,3 milhões), o mais alto para um trabalho relacionado ao personagem. A casa de leilões também oferece um conto de fadas de 2007 de Rowling, que inclui uma dedicatória a Barry Cunningham. Ele foi um dos sete manuscritos da autora para presentear pessoas estreitamente ligadas a Harry Potter.

Publicado por Luisa Cardoso

*Com informações da AFP





Fonte: Jovem Pan

Cinema