Milton Nascimento revela que compôs ‘Ponta de Areia’ quando estava quase dormindo; veja vídeo

Milton Nascimento revela que compôs ‘Ponta de Areia’ quando estava quase dormindo; veja vídeo


“Eu fui para o quarto, mas tinha um piano no caminho; sentei e fiz Ponta de Areia”, disse Bituca em registro gravado pelo filho, Augusto Nascimento

Reprodução/Instagram/@miltonbitucanascimentoMilton Nascimento, em frente a cenário de floresta
Milton Nascimento conta que tudo começou quando ele e o músico Fernando Brant compunham ‘Saudades dos Aviões da Panair’

Milton Nascimento, 81 anos, revelou nas redes sociais nesta segunda-feira (1º) como compôs “Ponta de Areia”, uma das mais famosas músicas do cantor e compositor, lançada em 1975. Segundo Bituca, tudo começou quando ele e o músico Fernando Brant compunham “Saudades dos Aviões da Panair”, faixa do álbum “Minas”, também de 75. “Eu e Fernando ficamos o dia inteiro compondo Saudades dos Aviões da Panair… Uma hora, Fernando ficou com sono, mas eu mais ou menos [com sono]. Eu fui para o quarto, mas tinha um piano no caminho. Sentei e fiz Ponta de Areia”, disse em vídeo gravado pelo filho, Augusto Nascimento. Morto em 2015 aos 65 anos em Belo Horizonte, Brant integrou o time de compositores do movimento Clube da Esquina. A faixa, que versa sobre criação do Estado de Minas Gerais, conta com um coral, também integra “Minas” e foi regravada por Elis Regina.

cta_logo_jp

Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

O cantor anunciou a aposentadoria dos palcos em 2023, mas continua a lançar novas músicas. Em junho, Milton Nascimento anunciou “Um Vento Passou (para Paul Simon)” ao lado de Esperanza Spalding, com a participação de Paul Simon, ex-Simon & Garfunkel, que canta em português. Em abril, a escola de samba carioca Portela também anunciou uma homenagem a Milton Nascimento no desfile da escola em 2025 com o enredo Cantar Será Buscar o Caminho que Vai dar no Sol.

Confira vídeo do cantor nas redes sociais 

Ouça “Ponta de Areia”

Publicado por Carolina Ferreira

*Com informações do Estadão Conteúdo





Fonte: Jovem Pan

Entretenimento